Glândula Pineal: o que é, como ativar e descalcificar

como descalcificar a glândula pineal

Quando uma pessoa aprende a função de algumas partes do corpo humano ela, com certeza, cuida melhor da saúde. Mesmo que alguns órgãos ainda sejam mistério para os cientistas, pesquisadores continuam a desvendar para que algumas glândulas servem. É o caso da glândula pineal que nós explicaremos a seguir o que é e como ativá-la. Então, leia o nosso post para saber mais.

O que é glândula pineal?

Segundo estudiosos, a glândula pineal é uma glândula endócrina responsável por regular ciclos vitais. Ela parece uma pinha, mede menos de 1 centímetro e possui uma cor vermelha-acinzentada. Embora tenha um tamanho pequeno, essa glândula produz um grande fluxo sanguíneo e diversas ramificações enquanto nós crescemos.

Para os terapeutas holísticos essa glândula é reconhecida como o nosso terceiro olho, já que está localizada entre as sobrancelhas. Além disso, os holísticos afirmam que a glândula tem sensibilidade à luz, sendo assim uma passagem para o mundo espiritual. De acordo com o filósofo René Descartes, é nessa glândula que a alma humana reside.

Os pesquisadores falam que mais estudos a respeito dessa glândula são necessários. Entretanto, as descobertas feitas até o momento garantem um direcionamento das funções e cuidados desse órgão.

Como ativar a glândula pineal?

É necessário que a pessoa seja exposta à luz solar com frequência. Ou seja, é preciso ter equilíbrio entre permanecer em ambientes claros e escuros em nosso dia a dia. Desse modo, o corpo humano produzirá os hormônios necessários para o organismo funcionar como precisa e de modo saudável.

No caso, a exposição à luz deve ser feita de modo natural: a luz solar. Por isso que os pesquisadores falam que a luz de aparelhos eletrônicos deve ser evitada tanto quanto for possível. O aviso diz respeito também na hora de dormir, já que a luz dos eletrônicos atrapalha a produção de serotonina e melatonina.

Ademais, os pesquisadores falam que os hábitos de uma pessoa devem ser padronizados para alcançar uma rotina mais saudável. Não só comer bem, mas também se expor à luz solar com frequência para manter a boa química no corpo. Por fim, é necessário fazer uma higiene do sono, dormindo e acordando sempre nos mesmos horários.

Quais as funções da glândula pineal?

Em suma, a principal função da glândula pineal é regular os ciclos vitais do corpo humano, como a sexualidade e o sono. Para essa finalidade, a glândula faz a produção de dois hormônios importantes, sendo eles:

Melatonina

Conhecida como o “hormônio do escuro”, a melatonina é ativada assim que escurece, pois a glândula reconhece a mudança da luz no ambiente. Além de regular o ritmo cardíaco, esse hormônio induz as pessoas ao sono, controla os ciclos do corpo e regula o relógio biológico. Por causa da sua função de controle emocional, a melatonina diminui:

  • sintomas da depressão;
  • estresse;
  • por fim, ansiedade.

A luz afeta a produção desse hormônio. Por isso que as pessoas que trabalham à noite e dormem durante o dia têm problemas para regular esse hormônio. Ademais, a luz de aparelhos eletrônicos afeta a produção química desse hormônio.

Serotonina

Ao contrário da melatonina, o corpo de uma pessoa produz serotonina logo de manhã. Esse hormônio é importante para a comunicação neural, ajudando a regular:

  • sono;
  • apetite;
  • disposição e humor;
  • a temperatura corporal;
  • por fim, funções digestivas.

Caso a produção da serotonina diminua você pode ter problemas para dormir, estresse, ansiedade e desordens emocionais. Assim, equilibrando a sua exposição à luz é possível manter a glândula funcionando como deveria na produção desses hormônios.

Leia também:  O que é energia positiva e negativa?

Desordens de ritmo

Segundo os médicos especialistas, as desordens de ritmo do corpo humano estão relacionadas à glândula pineal. Caso o nosso ritmo biológico seja prejudicado, a falta de sincronização de nossas funções nos deixará doentes. Por exemplo, o câncer, já que ele é um desvio de ritmo no agrupamento de algumas células.

A noite é muito importante para nós porque é nesse momento onde produzimos a melatonina. Quando a glândula capta a luz e escuridão como precisa nós controlamos melhor o equilíbrio psicoemocional, do sono e maturidade. O equilíbrio psicoemocional é responsável por regular o nosso nível de disposição e de humor.

Está gostando do nosso post? Então, comente abaixo o que você está achando e continue lendo para saber mais.

Conexões

Para Sérgio Oliveira, mestre em Ciências da USP e neurocientista, a glândula pineal nos ajuda a conectar a psicosfera. A conexão diz respeito também à ligação entre os pensamentos e sentimentos das outras pessoas. Além disso, a glândula recebe orientações ou coordenadas astrofísicas, indicando para as pessoas se é noite ou dia.

De acordo com esse neurocientista, a regulação hormonal do corpo humano é feita por meio do ritmo astrofísico. A glândula pineal consegue se comunicar com esse ritmo astrofísico para alinhar as funções vitais a esse campo. Por exemplo, o ciclo reprodutivo humano, já que a gravidez humana dura cerca de 1 ano lunar.

Filosofia e mundo holístico

Para René Descartes, a glândula pineal é a parte do corpo físico onde a alma humana mora. Assim como o filósofo, algumas religiões orientais falam que essa glândula nos conecta às outras dimensões. Logo, essa pequena parte das pessoas abre a visão para o mundo espiritual que muitos procuram.

Embora não seja contrário à visão científica, Sri Krishna Murti Das, que preside o templo mineiro Hare Krishna, afirma que a glândula não apenas regula o sono. Esse órgão, sendo o chakra coronário, é o centro energético do corpo humano mais importante, sendo o chakra principal. Conduto, o líder afirma que o alinhamento dos sete chakras permite a completa evolução humana.

Venenos para a glândula

Conforme as palavras de Sri Krishna, o poder da terceira visão dada pela glândula pineal é mal utilizado. Tudo porque a maioria das pessoas se intoxicam por causa da má alimentação e pouca saúde espiritual. A fim de ter o poder dessa glândula você pode:

Fazer Yoga

Por meio da Yoga as pessoas conseguem energizar o chakra coronário, ou seja, a glândula. Desse modo, o órgão funciona de modo adequado e saudável, permitindo assim uma limpeza das funções vitais e energéticas.

Melhorar hábitos

Além de ter uma alimentação mais regulada, você pode fazer atividades que melhorem as funções vitais. Essa combinação é capaz de purificar mais o seu corpo, dando assim alcance para a sua iluminação espiritual. Além disso, tente experimentar exercícios físicos que te tragam prazer e bem-estar interno.

Gostou do nosso post? Por isso, comente abaixo o que você achou. E continue lendo, pois temos um convite para você.

Considerações finais

A glândula pineal exerce um papel importante nos cuidados com a nossa saúde. Por meio dela nós conseguimos o equilíbrio necessário para manter uma rotina saudável e produtiva. Além disso, o caminho para a espiritualidade fica sempre aberto e pronto para uma jornada de crescimento pessoal.

Embora outros estudos ainda sejam necessários, os cientistas têm descobertas sobre o papel dessa glândula. Você precisa da luz solar, tanto quanto da calmaria de um lugar escuro para descansar. Sem dúvida que ter esse equilíbrio permitirá a você e a outras pessoas uma vida mais prazerosa e de propósitos grandiosos.

Leia também:  Reiki em Português: significado e tradução da palavra

Por fim, após aprender mais a respeito da glândula pineal, nós te convidamos para conhecer o nosso curso online de Reiki. O curso é o ideal para quem deseja saber mais sobre si mesmo enquanto aprende a cuidar da saúde física e mental. Então, aproveite já a oportunidade de desenvolver o seu potencial. Além disso, venha garantir uma grande mudança na sua vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *