Jaspe sanguíneo: origem, significado e usos

Muitas pessoas aprovam o uso de pedras e minerais para melhorar aspectos das suas vidas. Então, confira as origens e usos do jaspe sanguíneo.

A princípio, muitas pessoas aprovam o uso de pedras e minerais para melhorar aspectos das suas vidas. Praticantes das artes esotéricas sabem como cuidar da energia vital e manter contato com a força do universo usando cristais. Hoje nós conheceremos o jaspe sanguíneo, suas origens e uso em terapia.

O que é jaspe sanguíneo?

Segundo terapeutas esotéricos, o jaspe sanguíneo é uma pedra usada para transformar a negatividade nas pessoas. Com a ajuda desse mineral, os xamãs realizam rituais capazes de ajudar pessoas a serem purificadas ou curar energias ruins.

Por meio do jaspe de sangue, uma pessoa pode equilibrar os lados opostos da sua força e existência. Além disso, o usuário pode fazer terapia astral, desintoxicar o corpo e melhorar algumas funções vitais. Já que a pedra é relacionada ao fogo, a pessoa que sente muito frio pode manter o seu calor em dias frios.

Os praticantes mais experientes da terapia alternativa utilizam essa pedra para lidar com as injustiças do mundo. Se elas desconfiam que algo está errado usam essa pedra para melhorar a intuição e apontar o início do problema. Por fim, os praticantes da terapia alternativa podem fazer viagens astrais e resgatar lembranças há muito tempo esquecidas.

Origens do jaspe sanguíneo

De acordo com historiadores, cristãos medievais já esculpiam cenas da crucificação no jaspe sanguíneo. Apelidaram o mineral de “pedra dos mártires”, já que o mineral possui manchas vermelhas, as pessoas o chamaram de “bloodstone” ou “pedra de sangue”. Populações mais antigas também o chamavam de pedra do sol por ser capaz de refletir a luz.

Durante o século IV, as pessoas usavam o jaspe de sangue para afastar espíritos ruins do ambiente e das pessoas. Após sete séculos um autor alemão afirmou que o jaspe poderia absorver o veneno de cobras se colocado sobre a mordida. Por isso que muitas pessoas usavam essa pedra para se protegerem de criaturas venenosas.

Comerciantes do mundo inteiro comercializam a pedra de jaspe devido às suas diferentes texturas e tons. Tanto que há registros de sacerdotes usando essa pedra incrustada de ouro em seus peitorais desde o tempo de Aarão. Quanto ao nome, os praticantes da terapia esotérica afirmam que essa é a pedra materna, mãe de todos os cristais.

Propósito do jaspe sanguíneo

As pessoas utilizam a pedra jaspe sanguíneo para fazer limpeza, tanto no corpo quanto na alma. Elas usam bastante esse cristal porque é simples de ser utilizado e não custa caro como outras pedras. Em suma, os maiores usos dessa pedra são:

  1. Absorver a energia negativa no corpo de uma pessoa;
  2. alinhar o corpo físico, mental e emocional;
  3. eliminar a poluição magnética em uma pessoa ou ambiente;
  4. acalmar as emoções de uma pessoa angustiada ou que está preocupada com algo;
  5. trazer determinação para gerenciar empreendimentos, dando coragem e honestidade para uma pessoa lidar com as dificuldades;
  6. estimular o pensamento organizado, melhorando a visualização das pessoas a respeito dos projetos e plano de ação.

Benefícios do jaspe sanguíneo

No tópico anterior nós conhecemos alguns usos específicos do jaspe sanguíneo. Porém, assim como outros cristais, os terapeutas sabem do valor terapêutico e benefícios do uso constante desse mineral. Segundo os holísticos, os benefícios mais comuns do jaspe de sangue são:

  1. Estabilizar a aura de uma pessoa, gerando equilíbrio energético para ela;
  2. proteger contra influências negativas, criando barreiras ao redor do corpo e da mente;
  3. desintoxicar e fortalecer o sistema circulatório, as funções do fígado e coração;
  4. remover impurezas do campo astral e energético de uma pessoa a deixando mais leve e calma.
Leia também:  Chakra Laríngeo: o que é, onde fica, como equilibrar

A paciência é uma virtude

Conforme nós dissemos antes, a pedra jaspe sanguíneo pode ser vista em diversas partes do mundo. Para os colecionadores de cristais, esse mineral possui diversas texturas, cores e tons que lembram algumas manchas de sangue. Além das pessoas terem um belo item decorativo, a pedra influencia de forma positiva o ambiente.

Os especialistas em litoterapia e outras curas podem sugerir que o jaspe seja usado na preparação de elixires. Segundo eles, o jaspe possui uma vibração energética baixa que resulta em uma ação demorada de tratamento. Logo, eles afirmam que o elixir do mineral tem uma ação mais rápida que o uso da pedra em terapia.

Assim, o recomendado é que você use esse cristal por um longo período, já que essa pedra trabalha de modo lento. Tudo porque, conforme os terapeutas dizem, os efeitos do jaspe demoram um pouco para serem percebidos. Entretanto, eles garantem que os resultados do uso do mineral em curas são os melhores possíveis.

Como usar o jaspe sanguíneo para tratamentos?

Você usará o jaspe sanguíneo de acordo com a sua necessidade no momento. Ainda que a pedra tenha efeitos comprovados, você deve usá-la da melhor forma possível para melhorar os resultados desejados. Por exemplo:

  • Para proteção energética ou desbloqueio energético, use uma joia de jaspe no seu cotidiano;
  • deixe uma pedra de jaspe de sangue na sua sala para melhorar a energia ambiente;
  • a fim de atrair energias positivas para você, mantenha uma pedra de jaspe em alguns locais da sua casa;
  • para fazer terapia, basta deixar a pedra sobre o local desejado por 30 minutos, visualizando uma luz azul esverdeada no local.

Como limpar a pedra jaspe de sangue?

Sempre que você terminar de usar o jaspe sanguíneo é necessário limpar a energia da pedra. Tudo porque você descarrega a força do cristal à medida que o usa no seu cotidiano. Se você não cuidar da pedra, ela não trará os resultados que você tanto precisa.

Para você limpar o jaspe de sangue pode lavá-lo em água corrente misturada com sal marinho. Se possível, você deve fazer essa limpeza na água do mar para recarregar a energia dele de forma mais rápida. Use as suas mãos para esfregar de leve o cristal na água de 3 a 5 minutos.

Caso você não possa ir à praia, deixe o seu jaspe sob a luz do sol por, no mínimo, 2 horas. Ou sob a luz da lua durante 4 horas a fim de equilibrar a força espiritual da pedra. Assim que você recarrega a sua pedra já pode utilizá-la para novos tratamentos ou mudanças no seu ambiente.

Considerações finais sobre jaspe sanguíneo

Pessoas que conhecem o poder do jaspe sanguíneo têm uma vida mais fluida e equilibrada. Pois, elas compreendem a capacidade do cristal de protegê-las de forças negativas e alinhar a energia da aura delas. Dessa forma, elas têm um meio natural para diminuir as tensões causadas pela rotina.

Você pode adquirir o jaspe em casas esotéricas, deixando que a sua mente aponte a melhor pedra. Assim que você utilizá-la, mudanças positivas serão iniciadas na sua vida.

Após você conhecer o jaspe sanguíneo, se inscreva em nosso curso online de Reiki. O curso te ajudará a conhecer o seu próprio potencial, desenvolvendo o seu autoconhecimento e sensibilidade para o mundo esotérico. Dessa forma, você poderá cuidar melhor de si mesmo e preparar mudanças importantes para o seu futuro.

Leia também:  Era de Aquário: o que é, datas, ensinamentos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *