Alinhamento dos chakras: como alinhar os chakras?

Apesar de você não ver, o seu corpo concentra energia em determinados pontos, fluindo posteriormente a toda a sua composição. Os chakras quando estão equilibrados acabam nos dando harmonia e bem-estar necessários a uma vida saudável. Por isso que hoje aprenderá a fazer o alinhamento dos chakras utilizando a técnica do Reiki.

Sobre os chakras e como saber se estão alinhados

Os chakras são centros energéticos que vitalizam os nossos corpos e a nossa própria alma. Cada um de nós possui sete pontos assim, sendo uma composição natural de nossas existências transmutando energia. Embora existam milhares de chakras espalhados pelo corpo, esses sete são os principais e que mais nos influenciam.

O alinhamento dos chakras é vital para que possamos continuar vivos e com a nossa saúde elevada. Não à toa que esses centros de energia se localizam em pontos vitais ao redor do nosso corpo. Alinhando os chakras é possível trabalhar as dores e problemas que o nosso corpo experimenta ao longo da vida.

A exemplo, um chakra que acaba se alinhando com a frequência do medo nos dá inquietação e desconforto quando pensamos nele. Por outro lado, quando se foca na frequência do amor, a plenitude, paz e alegria de viver surgem no caminho. Sem contar o aprendizado obtido com essas experiências que nos motiva a trabalharmos em nosso interior.

Por que fazer o alinhamento dos chakras?

Em nosso cotidiano, dada à rotina que vivemos, é muito fácil nos desequilibrar e alimentar aquilo que nos deixa mal. Quando nos atentamos ao alinhamento dos chakras permitimos a revitalização de nossa força interna e reconstrução do corpo. Graças a isso que conseguimos apoio para trabalhar:

Problemas mentais e emocionais

Nossa mente e espírito são dependentes da carga energética que alimenta a nossa vida. Quando ela se encontra em desequilíbrio, ficamos mais vulneráveis a desenvolver problemas mentais e emocionais, sem contar as complicações semelhantes. À medida em que os chakras se alinham, fazemos com que essas dificuldades possam ser amenizadas e até curadas.

Dores e doenças

Assim como a mente, o corpo se mostra afetado, sendo até mais perceptível quando sofremos essa desconexão. Dores, doenças, feridas ou qualquer outro movimento que possa nos machucar de maneira visível. Nisso pode ser trabalhado quando a revitalização de energia acontece e coloca cada peça em seu devido lugar.

Cansaço ou desgaste

Mesmo reações mais simples como essas podem atrapalhar profundamente o nosso cotidiano e bloquear demandas mais simples. De modo geral, tem aqui a oportunidade de se recarregar e descansar suas forças. Fazendo um paralelo, você seria como a bateria de um celular necessitando da carga necessária para funcionar devidamente.

Como alinhar os chakras com Reiki?

O alinhamento dos chakras com Reiki começa com um banho seco antes de recitar os cinco princípios do Reiki. Pensando em conquistar equilíbrio e harmonia, faça um enraizamento, se fixando em um ponto para a energia escoar. Comece pelo chakra da coroa, sentindo como ele está e imaginando uma limpeza reikiana sobre ele.

Iniciando o Reiki, o preencha com energia, fazendo com que ela flua devidamente e possa correr por si. Caso ajude, imagine que está passando por um rio cheio de rochas e possui o poder de removê-las do seu caminho. Em paralelo com a energia que corre, veja o rio fluindo como deveria ser a trazendo vida ao redor.

Repita a sessão de Reiki sobre cada chakra até que o trabalho finalize com o chakra raiz. No momento de terminar veja como está se sentindo, agradeça e faça um banho seco, simples. A partir daqui possui força necessária para reconquistar tudo aquilo que perdeu por esse impedimento.

Leia também:  O que é energia positiva e negativa?

Como alinhar os chakras com cristais?

Além do alinhamento dos chakras com Reiki, o uso de cristais fortalece por completo cada ponto energético do corpo. Preste atenção e seja cuidadoso, pois cada chakra possui uma cor específica e as pedras devem corresponder a isso alinhadamente.

Caso seja necessário, pode trabalhar em um ponto específico ou alinhar todos usando cristais limpos e energizados por até 20 minutos. Na aplicação da cristaloterapia é preciso relaxar, respirando profundamente e mantendo pensamentos positivos enquanto pressiona levemente as pedras. Sobre as cores e pedras, a organização é simples:

Chakra básico

Use cristais de cor vermelha ou preta, como rubi, magnetita, jaspe sanguíneo, quartzo fumê, turmalina preta, coral, ônix preto… Etc.

Chakra umbilical

Ao chakra umbilical invista no laranja, como o âmbar, calcita laranja, cornalina, opala de fogo, ágata marrom-alaranjada… Etc.

Chakra do plexo solar

O amarelo aqui impera através da mica amarela, citrino, topázio imperial e calcita amarela.

Chakra cardíaco

Investindo no verde e rosa, use cristal de quartzo rosa, turmalina verde, esmeralda, jade, kunzita, peridoto, malaquita e ônix verde-maçã.

Chakra laríngeo

Com o azul, utilize cristais como turquesa, topázio azul, água-marinha, sodalita e o quartzo azul.

Chakra frontal

O chakra frontal se manifesta na cor anil, assim a safira anil e lápis-lazúli são perfeitos para isso.

Chakra coronário

Por fim, a parte coronária se ativa no branco de um quartzo branco, diamante, fluorita, topázio incolor, pedra-da-lua.

Como alinhar os chakras com pedras?

Tanto as pedras como os cristais servem ao uso do alinhamento dos chakras em qualquer situação. A natureza trabalha naturalmente e consegue afetar certas frequências energéticas, respondendo através dos espectros coloridos. Por conta do estudo nos chakras se percebeu que pedras em cores semelhantes a eles atuam na regularização desses pontos.

Para utilizar as pedras ou cristais basta posicioná-los perto dos chakras por alguns minutos. Feito isso, medite com elas ao redor, como se fossem o centro de energia que te dão a força necessitada. Através delas que os chakras receberão a carga que precisam para se reconstruírem e agirem sobre nós.

Lembre-se que essas pedras e cristais precisam ser limpos e energizados para que possam ser utilizados. Na limpeza basta lavá-los em água corrente juntamente com sal grosso ou marinho. A fim de recarregá-los, os deixe descansando no sol entre 30 minutos a 1 hora, sendo isso o suficiente.

Como alinhar os chakras sozinho?

Se for necessário, o alinhamento dos chakras pode ser realizado sem o auxílio de ninguém. Isso pode ser bom para aplicar em qualquer situação quando não é possível receber assistência de alguém. Através da meditação e uso das pedras energizadas sobre os chakras a serem trabalhados pode se alinhar sozinho.

Entenda que uma técnica nunca será melhor do que outra, pois elas agem de maneira complementar. Sem contar a necessidade do momento em alcançar determinados resultados por vias diferentes.

Benefícios

Os ganhos com o alinhamento dos chakras são variados, duradouros e transformadores a quem pratica o trabalho. Por exemplo, trabalhar o fluxo da sua mente, trazendo alívio, criatividade, disposição, recuperação, relaxamento, alívio da ansiedade… Etc. Ao corpo acaba diminuindo tensões, dores, desconfortos, melhora a recuperação, regeneração e auxilia no tratamento de doenças.

Considerações finais sobre o alinhamento dos chakras

O ser humano nas nasce com uma estrutura energética única que proporciona a melhor condução da nossa vida. Entretanto, graças à rotina nociva, nossos chakras podem acabar desequilibrados e demonstrar isso visivelmente. No momento em que o alinhamento dos chakras se inicia é como se reconstruíssemos nosso ponto de existência.

Leia também:  Como fazer Reiki: cursos e clínicas

Ademais, a aplicação pode ser realizada mesmo que de forma preventiva, como ferramenta de entendimento pessoal. Sua mente precisa de clareza para compreender o seu espaço no mundo e oportunidades de atuação.

Indo além dos chakras, se inscreva em nosso curso 100% online e completo de Reiki para que consiga transformar a sua vida. O Reiki possibilita a construção do seu autoconhecimento enquanto constrói mecanismos de elevação e mudança na vida. De modo semelhante ao alinhamento dos chakras, com o Reiki, terá em mãos um elemento significativo de renascimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *