Seiza: história e razões do jeito de sentar japonês

Os japoneses têm uma cultura marcada pela tradição e respeito aos costumes da sua sociedade. Tanto que milhões de japoneses ainda praticam hábitos muitos antigos, como o seiza. Nós entenderemos melhor o propósito desse costume, a sua história e os motivos dos japoneses se sentarem dessa forma.

O que é seiza?

O seiza é uma forma de se sentar dos japoneses para demonstrar respeito. Em suma, os japoneses se ajoelham com as costas eretas e apoiam as suas nádegas sobre os calcanhares. Contudo, as pessoas que não são acostumadas a essa prática podem sentir desconforto e até dores no corpo.

De acordo com a tradição, os japoneses sentam sobre tatames ou almofadas. Entretanto, muitas famílias não preservam esse costume, já que muitas casas não têm tatames e possuem uma arquitetura mais ocidental. Como resultado, os jovens sentem dificuldades para se sentar no tatame e manter essa posição difícil por não praticarem.

Mesmo assim, muitas pessoas mantêm essa tradição, demonstrando esse costume em cerimônias ou no esporte, por exemplo. Ademais, parte dos comerciantes japoneses preservam essa tradição. Dessa forma, se você visitar o Japão em algum momento, é provável que você deva sentar na postura seiza.

Origens

Segundo linguistas, “seiza” significa “sentar de forma correta” e a versão moderna da prática tem origem no século XIV. Nessa época os japoneses adotaram o piso de tatame que logo se tornou parte da cultura local. Além disso, estudiosos afirmam que a palavra seiza diz respeito a rígida disciplina dos guerreiros dessa época.

Os japoneses mantêm a cultura da postura seiza em rituais e cerimônias de chás há seculos. Essa forma de se sentar dos japoneses, entre outras coisas, tem o objetivo de demonstrar cortesia ou se desculpar com humildade. Ainda que os japoneses estejam acostumados, os estrangeiros têm dificuldades para ficar nessa posição por muito tempo.

À medida que o tempo avançou, os japoneses adotaram esse costume como parte da etiqueta formal do país. Tanto que se tornou comum as pessoas se sentarem diante de autoridades e shoguns dessa forma durante o período Edo. Além disso, os japoneses tornaram esse hábito comum no período Muromachi.

Propósitos

Os japoneses se sentam na postura seiza para demonstrar respeito, gratidão e humildade para as pessoas. Contudo, a pessoa pode se beneficiar desse hábito enquanto utiliza o jeito de sentar japonês. Enquanto estiver na posição, a pessoa pode:

Aprender a superar o medo da morte e dos temores da vida,

Meditar, pois dessa forma é possível equilibrar as funções corporais,

Enxergar o mundo como ele é de verdade e não a ilusão que nós criamos dele,

Romper os ciclos ansiosos da mente e aproveitar o presente.

Zabuton

Os japoneses usam o zabuton para praticar a posição seiza. Em suma, o zabuton é uma almofada apropriada para receber visitas na sala de recepção. O visitante precisa entender o comportamento dos japoneses em relação ao zabuton para não parecer desrespeitoso.

Após o anfitrião falar “Dozo”, que significa “prossiga”, você pode se sentar na almofada. Você deve ficar no lado esquerdo da almofada, abaixar os joelhos e se sentar sobre os seus calcanhares. Os seus pés devem estar abertos e com os dedos esticados.

Caso você queira se levantar, nunca fique de pé sobre a almofada zabuton ou toque a almofada com a sola dos pés. Para se levantar, você desliza para trás ou para a esquerda da almofada usando os seus joelhos e se apoia nas mãos. Em ambientes informais, os homens se sentam com as pernas cruzadas e as mulheres com as pernas em direção as laterais.

Leia também:  Oração de agradecimento: o que é e como fazer

Como se sentar?

Para você praticar o jeito de sentar japonês, sente-se dobrando as pernas e apoie o joelho esquerdo no chão. Em seguida, ponha o seu joelho direito a 20 centímetros do esquerdo e estique os dedos dos pés. Os seus dedões devem se tocar enquanto as suas nádegas repousam entre ou em cima dos calcanhares.

Você deve manter a coluna ereta e mover a parte inferior da espinha dorsal para frente, formando um “S” na lombar. Se você arredondar a parte de baixo das costas ou se inclinar sentirá cansaço nos músculos. O peso do seu corpo deve se concentrar entre os joelhos e o topo dos pés.

Você deve deixar a sua cabeça solta e alinhar as orelhas com os ombros e o nariz com o umbigo. Ao esticar a base do seu pescoço você deve imaginar que alguém está puxando o seu cabelo com o intuito de alongar a sua espinha. Você deve encontrar o seu centro para manter o equilíbrio e evitar fadiga muscular ou cãibras.

O local

Você deve praticar o seiza em lugares sossegados com luz suave e poucos elementos para não se distrair. Evite usar música, pois você pode se distrair e o propósito do jeito de sentar japonês é se concentrar. É provável que você faça essa prática em lugares mais movimentados em algum momento.

Se você quer esticar as pernas basta se curvar para frente e tocar o chão com a testa enquanto mantém o quadril sobre os calcanhares. Em seguida, toque o chão com as mãos abertas ao lado da sua cabeça, demonstrando a sua abertura para os ensinamentos do mundo. Por fim, respire um pouco nessa pose antes de se sentar outra vez.

Razões para praticar o seiza

Ainda que seja um sinônimo de formalidade, os japoneses têm outros motivos para praticar o seiza. Dentre eles nós podemos listar:

Artes marciais

Os praticantes de aikido, iaidô e kendo são familiarizados com essa posição. Homens costumam se sentar com joelhos afastados um do outro e repousam as suas mãos com as palmas sobre as coxas.

Cultura

Como nós dissemos antes, os japoneses fazem a postura seiza em rituais e cerimônias do chá. Ademais, esse hábito é bastante comum nos restaurantes tradicionais ou apresentações de gueixas e maikos.

Disciplina

Os japoneses valorizam muito a disciplina e essa forma de se sentar, apesar de desconfortável, ajuda a desenvolver essa qualidade. A fim de chegar na postura mais adequada você deve praticá-la de forma constante.

Demonstrar respeito pelo anfitrião

Os japoneses valorizam muito a sua cultura e o respeito entre as pessoas. Sendo assim, a forma de se sentar dos japoneses evita que a pessoa aponte os pés ou dê as costas para os seus mestres.

Humildade

A forma de se sentar dos japoneses também pode significar devoção ou respeito. Ou seja, dessa forma você pode demonstrar humildade para as pessoas ao redor.

Considerações finais sobre seiza

Ainda que possuam uma cultura tecnológica avançada, os japoneses ainda preservam o hábito do seiza. Para eles, esse costume é uma forma de honrar as pessoas e os costumes da sua nação. Embora muitas pessoas tenham adaptado as suas vidas para um estilo mais ocidental, essa forma de sentar ainda é bastante valorizada.

Se você visitar o Japão algum dia, talvez essa seja uma experiência cultural válida para conhecer. Entretanto, se você quer apenas se divertir na visita, sentir a dificuldade e o sofrimento de ficar nesta posição não é necessário. Os turistas e habitantes podem encontrar um equilíbrio entre conhecer o cultura japonesa e respeitar os seus hábitos.

Leia também:  Mantra da Gratidão: o que é, aprenda a usar

Após você conhecer o seiza, que tal se inscrever em nosso curso online de Reiki? O nosso curso é uma excelente ferramenta de desenvolvimento pessoal criada para ajudar as pessoas a compreenderem o potencial interior delas. Entre em contato conosco e descubra como melhorar o seu autoconhecimento e desenvolver a habilidade de transformar a sua vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *